N Engenheiros

Serviço Público de Castro Marim reforça medidas de apoio social

No seguimento da renovação do Estado de Emergência decretado pelo Presidente da República, a Câmara Municipal de Castro Marim determina a garantia dos serviços de atendimento ao público, no horário normal de funcionamento (9h00-13h00 | 14h00-17h00), reforçando as medidas de segurança dos colaboradores do Município, mas também privilegiando serviços por marcação prévia e atendimentos por videoconferência.

Estas são as medidas:

- Serviços internos com atendimentos por marcação prévia, mas preferencialmente por videoconferência;

- Realização periódica de testes Covid-19 aos funcionários, como medida de monotorização e despistagem permanente;

- Reposição da linha de apoio social “Castro Marim Ainda + Solidário”, destinado a apoiar a população residente na área geográfica do concelho, com mais de 65 anos, doentes crónicos ou em situação de isolamento sem rede social ou familiar de apoio, nas suas compras de bens alimentares, produtos de higiene e medicamentos; o mesmo serviço permite ainda a requisição de receitas médicas, necessárias para a compra dos medicamentos, o que está a ser feito em articulação com o Centro de Saúde de Castro Marim e Altura e com as médicas de apoio à Unidade Móvel de Saúde;

- Linha de Apoio Psicológico: para todos os que precisem possam recorrer quando houver necessidade de ajuda especializada para gerir os sentimentos e emoções inerentes aos constrangimentos trazidos pela pandemia Covid-19;

- Criação de uma Despensa Social, uma loja social em rede promovendo otimização de recursos das plataformas disponíveis a nível local e da rede nacional, por exemplo, entre o Banco Alimentar as despensas solidárias da Juntas de freguesias;

- Criação da iniciativa “Viaje com Livros”, readaptando e facilitando o processo de requisições dos livros, que poderá ser feito via telefone, levantado no local e, se não estiver disponível no fundo documental, teremos uma campanha para fazê-lo chegar até si;

- Atribuição de vales alimentares mensais, que incluem a aquisição de bens alimentares e outros bens de primeira necessidade, a ser usado exclusivamente em superfícies comerciais do concelho;

- Transporte Social: Manutenção do serviço, mas política de desincentivo à deslocação ao centro urbano, nomeadamente através do “Castro Marim ainda + Solidário”.

O Município tem em desenvolvimento uma caracterização socioeconómica para projetar mais medidas e estratégias que melhor se adaptem ao apoio às famílias prejudicadas pelos efeitos da pandemia.

Ademar Dias

Partilha este artigo