Rota do Petisco 2021

João Paulo Félix passou por Castro Marim e Azinhal

O maratonista João Paulo Félix decidiu propor-se a superar os seus limites e a fazê-lo, de forma simbólica, pelos Direitos das Crianças. São 2.222 Km, 40 ultramaratonas e 40 dias de sensibilização pelas estradas na “Volta a Portugal a Correr pelos direitos das crianças”.

Este sábado passou por Castro Marim e pelo Azinhal, numa volta que se iniciou no passado dia 15 de julho, na Lourinhã, e terminará no dia 23 de agosto, no mesmo local.

Esta foi uma iniciativa apadrinhada pela Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens e Criança e à qual se juntou a CPCJ de Castro Marim. João Paulo Félix partiu com o passaporte dos direitos da criança, que lhe foi entregue pela presidente da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) nacional, Rosário Farmhouse, e em cada paragem, cada comissão concelhia "carimba" o passaporte pelos direitos das crianças.

Ao longo da sua vida, João Paulo Félix já percorreu 7257 quilómetros por diversas causas.

 

Ademar Dias

Partilha este artigo

N Engenheiros