Rota do Petisco 2021

Castro Marim: transporte social, fiscalização e serviço de águas trabalham com veículos 100% elétricos

São serviços essenciais e com grande impacto na vida da população e que agora se realizam com veículos 100% elétricos, na senda da descarbonização e da eficiência energética.

Afetas ao transporte social e de saúde estão duas viaturas, uma das medidas que resultou de um estudo sobre os circuitos regulares e soluções de mercado que o Município de Castro Marim encetou há dois anos e que é apoiada pelo Fundo Ambiental, no âmbito do Programa de Apoio à Mobilidade Elétrica na Administração Pública, que comparticipa em 50% a locação financeira destes veículos elétricos (até 12.000), bem como a aquisição e instalação de um posto de carregamento semirrápido para os mesmos (até 4.000).

Paralelamente, decidiu o Município adquirir mais dois veículos 100% elétricos, desta feita de baixa autonomia e destinados aos serviços municipais externos, em particular os de fiscalização, abastecimento de água e tratamento de águas residuais, por serem serviços com horários definidos, rotas limitadas, suscetíveis de coordenar com os tempos de carregamento e autonomias das viaturas desta natureza.

Neste momento, para o público em geral, Castro Marim já dispõe de dois Postos de Carregamento Normal (PCN), um na vila, perto da Casa do Sal, e outro em Altura, junto ao Mercado Municipal. A instalação destes equipamentos foi possível graças a um protocolo celebrado entre a autarquia, a Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL) e o Turismo de Portugal, no âmbito de um programa nacional com o qual se pretende dotar todos os concelhos do país com infraestruturas de carregamento elétrico. Permitindo o carregamento de dois veículos elétricos em simultâneo, a utilização dos equipamentos é gratuita, mediante acordo existente entre o município e a MOBI.E (entidade gestora da rede para a mobilidade elétrica). A autarquia está também a desenvolver o regulamento de instalação de postos de carregamento em espaço público.

Ainda neste âmbito da eficiência energética, com a mesma consciência e motivação, a Câmara Municipal de Castro Marim tem em curso outras ações, como a construção de redes de ciclovias, em particular o “Triângulo Verde, entre Vila Real de Santo António, Castro Marim e Altura, onde posteriormente será desenvolvido um projeto de iluminação pública, exclusivamente de energia solar.

Consciente de que todas as ações importam, Castro Marim quer demonstrar a importância da sua ação na mitigação dos efeitos das alterações climáticas, tal como investir numa nova cultura económica e social de menor consumo, maior reutilização e maior respeito.

 

Ademar Dias

Partilha este artigo

N Engenheiros