N Engenheiros

Castro Marim: abertas candidaturas a bolsas de estudo para ensino secundário e superior

Durante os meses de setembro e outubro, a Câmara Municipal de Castro Marim está a receber candidaturas às bolsas de estudo atribuídas ao ensino secundário e ao ensino superior. É um dos maiores gastos no âmbito das políticas sociais do município, mas que se traduz num investimento de futuro para o desenvolvimento do território.

No período escolar de 2020/21 foram atribuídas 54 bolsas de estudo, num total de cerca de 90.000 euros. Por cada estudante do ensino secundário são atribuídos 1000 euros anuais e para os de ensino superior, 2500 euros (valor variável consoante a atribuição de bolsa da faculdade).

As candidaturas devem ser entregues no Gabinete de Ação Social do Município de Castro Marim. Toda a informação e documentos a preencher estão disponíveis em https://cm-castromarim.pt/site/conteudo/bolsas-de-estudo.

Depois de dois anos particularmente difíceis, em que muitas famílias passam por novos e maiores constrangimentos económicos decorrentes das medidas de combate à pandemia, esta é uma medida de apoio fundamental que permite aos jovens residentes no concelho prosseguir com os estudos, apesar da sua condição económico-financeira.

A política de educação e ação social escolar do Município de Castro Marim contempla ainda outras iniciativas, entre as quais destacamos a gratuidade dos passes escolares a todos os alunos que utilizem os serviços de transporte da EVA Transportes, a partir do 5º ano de escolaridade, uma medida deliberada este ano a transpor em regulamento em elaboração

Com mais anos de existência, estão outros apoios educativos como o financiamento de refeições a todos os alunos dos escalões A e B do 1º Ciclo, auxílio económico para aquisição de material escolar do 1º ao 3º Ciclo do Ensino Básico (para obtenção deste apoio, os encarregados de educação deverão apresentar, no serviço de ação social, documento comprovativo de matrícula e de escalão) e a oferta dos livros de fichas a todos os alunos do 1º ciclo.    

 

Ademar Dias

Partilha este artigo