VOLTA: Maxime Daniel vence em Castelo Branco

A 6.ª etapa da Volta a Portugal em bicicleta perfilava-se como uma etapa de transição antes da montanha, uma tirada propícia aos sprinters, e assim foi.

Jean-Luc Paiani (Sojasun) e Pavel Kochetkov (Rusvelo) foram os últimos fugitivos do dia, apanhados pelo pelotão a cerca de 2 quilómetros da meta.

 

A Caja Rural, de Manuel Cardoso, deu tudo para anular a fuga, mas quem aproveitou foi Maxime Daniel. O francês da Sojasun superiorizou-se à concorrência no sprint final. Gastou 4h34m36s a percorrer os 180km entre Sertã e Castelo Branco, a uma média de 39.330km/h.

Com o mesmo tempo chegaram Andrea Piechelle (Ceramica Flaminia/Fondriest), segundo; Fábio Silvestre (Leopard/Trek), terceiro; e Manuel Cardoso (Caja Rural), quarto.

Para trás ficaram alguns elementos da formalção espanhol que deram tudo pela oportunidade do ciclista português bisar neste edição da prova, entre outros corredores que não aguentaram o ritmo bastante rápido do final de etapa.

Na geral, tudo na mesma: Sergio Pardilla (MTN/Qhubeka) é o líder, Rui Sousa (Efapel/Glassdrive) é segundo com o mesmo tempo e Gustavo Veloso (OFM/Quinta da Lixa) continua em terceiro a 7 segundos.

E amanhã começa a decisiva montanha da edição 75 da “Portuguesa”.

 

Para saberes mais fica a sugestão, a primeira edição do Diário da Volta vai para o ar às 20 horas na Horizonte Algarve (96,9FM / 106,8FM / emissão live em www.radiohorizonte.com).

 

 

Ademar Dias

Segue-nos